Eu...

Os diamantes são indestrutíveis?
Mais é meu amor.
O mar é imenso?
Meu amor é maior,
mais belo sem ornamentos do que um campo de flores.
Mais triste do que a morte,
mais desesperançado do que a onda batendo no rochedo,
mais tenaz que o rochedo.
Ama e nem sabe mais o que ama.
(Adélia Prado)

sábado, 22 de junho de 2013

MANIFESTAÇÕES 2013: Uma reflexão.

Prezados:

O primeiro passo já foi dado. Muito desorganizado e sem um foco direcionado, mas ainda assim foi um movimento que serviu pro 'poder' lembrar que existe um povo neste país e pra os mesmos se preocuparem e perderem o sono. Bem... vamos lá!

Uma rudimentar mentalidade de cidadania já despertou no coração do brasileiro, agora falta refinar, lapidar esta mentalidade. Comecemos por alguns conceitos:

DEMOCRACIA - Partindo do léxico, deriva do grego 'demo' (povo) + 'kratia' (governo), ou seja, um sistema de governo onde o povo participa de todo o processo, escolhendo seus representantes seja através do sufrágio direto (voto), bem como decidindo questões através de plebiscitos entre outras formas. A democracia é subdividida em 2 categorias: A Democracia Representativa e a Democracia Participativa.
Democracia Representativa (a do Brasil) é aquela que se baseia na participação do povo em todas as instâncias sociais e politicas através do sufrágio. O povo escolhe seus representantes comunitários (associações, comissões, conselhos...) e seus representantes em instâncias superiores (prefeituras, governos estaduais, presidência...).
Já na Democracia Participativa, as decisões levam em consideração o diálogo com todas as esferas da sociedade, colocando em pauta resoluções a serem tomadas e decidindo em conjunto as soluções para os problemas e melhorias para a nação. Não se baseia basicamente no sufrágio, mas nas deliberações sociais, não significando porém que o voto esteja descartado. Também está presente em nossa sociedade, porém em menor instância.

CIDADANIA - A noção engessada e amalgamada que aprendemos na escola deste conceito é "o conjunto de direitos e deveres dos cidadãos natos e naturalizados de uma determinada nação". Esta ligado ao Estado de Direitos Civis, tanto jurídica quanto politicamente, e é o exercício da cidadania que permite ao cidadão interferir democraticamente nos processos políticos da nação. Porém eu gostaria de ir um pouco mais além dos conceitos tatuados mais conhecidos...
Antes de dar continuidade a minha ideia pessoal de cidadania na qualidade de historiadora, gostaria de deixar claro um conceito IMPORTANTÍSSIMO que com tristeza vejo que é praticamente desconhecido: o Estado de Direitos. Significa que o Estado (nação) não pode se sobrepor aos Diretos civis da população. A maior mazela de uma ditadura é a quebra de Estado de Diretos, que se aproxima intimamente do Absolutismo e do Totalitarismo, regimes que concentram no Estado todas as decisões sem levar em consideração a vontade do povo. Inversamente oposto à Democracia. Portanto, o povo precisa ter em mente que o exercício da cidadania está diretamente ligado ao Estado de Direito e dela não pode se desvincular!
Visto isso, o meu conceito pessoal de exercício de cidadania é a participação civil ativa nas entidades de classe, suas associações comunitárias, através deles cobrar soluções e apresentar propostas maduras e cabíveis com o contexto econômico e político do Estado. A partir daí, organizar grupos e buscar o diálogo com seus representantes (deputados, vereadores...), participar das reuniões públicas das Assembléias Legislativas, Câmaras, etc. É estar presente, pleitear, se mobilizar POLITICAMENTE.

OBS. IMPORTANTE: Não adianta discursos de 'frases feitas' nas palavras de ordem inflamadas pela emoção! NÃO EXISTE DEMOCRACIA SEM POLÍTICA, E NÃO EXISTE POLÍTICA SEM PARTIDOS!

O correto exercício de todos esses conceitos apresentados acima são factóides se o cidadão não se POLITIZAR. Vamos entender isso então...
Se politizar é o cidadão entender processos. Para entender estes processos, é importante não que as pessoas sejam 'cientistas políticos' o que seria o ideal, mas que busquem e pesquisem as ideologias dos partidos políticos, sua linha de ação e propostas para a população. A partir daí, escolher aquele que tenha idéias e propostas que sejam compatíveis com o que se pensa sobre política pública e se engajar. Depois, verificar os representantes do partido que já fazem parte do governo e analisar CUIDADOSAMENTE seu trabalho no exercício do seu mandato. Se ainda assim o partido tiver uma ideologia que lhe seja adequada, participar da elaboração de um plano que seja apresentado nas eleições e trabalhar junto ao partido, mesmo depois da eleições, cobrando a efetiva aplicação do plano traçado.

Agora acredito que cheguei no ponto principal...

Visto isso, conhecendo os conceitos é claro que é muito mais que isso, mas cada um destes conceitos dá um livro inteiro, rs, cada cidadão que realmente deseje de forma madura exercer sua cidadania, deve se aprofundar nestes conceitos, pensar não só nos pleitos, mas também em sugestões de propostas para a resolução destes problemas. Não adianta ir para as ruas pedindo transportes de maior qualidade, melhores hospitais públicos, isso e aquilo, sem pensar POLITICAMENTE no que está pedindo e só pedir sem sugerir soluções! Se o cidadão deseja pleitear, mas não tem um profundo entendimento do processo que permita apresentar soluções PROCURE SEU PARTIDO POLÍTICO E DIALOGUE!

Entenderam a importância dos partidos? Claro que existem 'forças ocultas' que faz com que o cidadão se desiluda com a política, mas essas 'forças' só acontecem por causa da desmobilização popular quanto ao processo político! E isso não tem nada a ver com inteligência ou instrução (se bem que esta última é de extrema importância). Tem a ver com que, o cidadão participando, fiscalizando, pleiteando através de suas associações e entidades, faz com que o trabalho seja direcionado para o povo, e não para interesses politiqueiros!

Povo brasileiro, união vocês já estão aprendendo o que é. Só falta agora SE POLITIZAR e PARTICIPAR DA VIDA POLÍTICA DO SEU PAÍS.

Usem o texto, compartilhem! São noções necessárias nesse momento, dentro do contexto político das manifestações! Só peço que mantenham o texto inalterado e que deem os créditos ao autor.

Autoria do Texto: MONICA SANTOS
                            Acadêmica de História (licenciatura) da Universidade Cândido Mendes

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

REFLEXÕES

Gente, deixa eu passar pra vocês as minhas reflexões sobre o findi.
Cheguei a triste conclusão que definitivamente as pessoas gostam de ser enganadas! Sério... quando vc é verdadeiro e sincero você é taxado de barraqueiro e marrento.
Cara, pra mim ser marrento é dizer que 'mata', 'esfola', 'faz', 'acontece' e "num quero nem saber! Faço 'mermo'!!!"
Pra mim, as pessoas que discordam das coisas quando ac
ham que estas coisas estão erradas são HONESTAS e SINCERAS, não 'marrentas'! 
Porquê eu tenho que concordar com coisas que acho erradas? 
Porquê tenho que admitir coisas que vão de encontro às minhas opiniões? 
Só pra agradar as pessoas? 
Se alguém depender disso de mim pra viver, então pode dar adeus à vida, pq se tem uma coisa que eu definitivamente NÃO FAÇO na minha vida é algo que não quero fazer e tenho opção de escolha e dar razão a quem não tem!
Se as pessoas tem razão, então provem! Defendam seus argumentos! Mas pelamordideuso, façam isso COM EMBASAMENTO E CONHECIMENTO DE CAUSA, porque eu posso ser tudo nessa vida, menos burra! Estou às portas dos 45 e estudo até hoje (vou morrer estudando e aprendendo), portanto eu tenho senso critico e relativos conhecimentos gerais! Não vem com conversa mole pra boi dormir pra cima de mim pra legitimar opiniões vazias! Quer debater? Ótimo! Adoro um bom debate, mas com O MÍNIMO DE COERÊNCIA E MATURIDADE! E digo mais: Idade nunca foi e jamais será sinônimo de maturidade, conhecimento de causa, muito menos de FALTA DE EDUCAÇÃO E BOM SENSO!
Um pouquinho de humildade para admitir que nunca sabemos tudo e morreremos aprendendo, bem como muita coisa pode mudar e temos que atualizar os conhecimentos faz bem à saúde e à convivência dos demais membros da sociedade.

Agora, minhas reflexões sobre a semana:
Eu vejo muita gente pedir tanta coisa a Deus, se vitimizando e indo pros templos da vida (seja em que religião for) louvar, orar, rezar, meditar, fazer vibração espiritual, fazer caras e bocas de contrição, juntar as mãozinhas igual um anjinho... porém no dia-a-dia da vida fala mal dos outros, pensa mal dos outros, desfaz das bençãos que eles mesmos pediram 
tanto a Deus, sofrem num dia, escarnecem no outro, numa verdadeira RODA VIVA COMPORTAMENTAL.
Com tudo isso amigos que me leem, me pergunto: 
Porquê o ser humano está tão volúvel, tão instável, tão bipolar? 
Porquê as pessoas 'lambem' seu companheiro de jornada, e pelas costas dele desfaz das coisas que ele gosta, fala, ou da forma com que interage? 
Será que não é mais honesto dizer a verdade na cara da pessoa quando algo vai de encontro à suas opiniões? Eu pelo menos prefiro que as pessoas hajam assim comigo, até bem porque é assim que eu SEMPRE agirei com elas (e ser chamada de 'marrenta', kkkkkk).
Cara, ninguém é obrigado a nada nessa vida, portanto digo e repito: é melhor um NÃO HONESTO do que um SIM HIPÓCRITA! Passar a mão na cabeça do amigo e quando este amigo se vira mirar um punhal nas costas dele é horrível! Pago um pau ENORME (gíria de paulista: "pagar pau" significa 'bater palmas', 'render homenagens') pra quem, depois de ter se virado de repente e visto o pseudo-amigo mirando um punhal nas suas costas e ainda ter consideração e permanecer na amizade. 

E vamos louvando a Deus e dizendo AMÉM pro padre, pastor, reverendo...

terça-feira, 14 de agosto de 2012

VERDUGOS

Sabem aquele ditado "Quanto mais eu rezo, mais assombração aparece."? Pois é...

Por mais que eu nem queira saber de determinadas coisas, assuntos ou pessoas, elas acabam sempre chegando em mim, e detalhe: SEM EU PEDIR!

Olha a última...

Por razões óbvias, protegerei a identidade de minha "informante" (hahaha, boa essa...), cognominando-a MARIAZINHA. Mariazinha tem uma amiga que fez uma postagem em sua conta numa rede social que também por razões óbvias não revelarei, e que chegou a ela como atualizações. Até aí tudo bem se nessas atualizações não tivesse uma singela fotomontagem minha. Antes de eu terminar essa historinha preciso contar as coisas do inicio...

Era uma vez um site chamado FACE IN HOLE ...


... um site divertido, onde você pode pegar um corpo, seja ele de figuras engraçadas, celebridades, desenho animado, top models, WHATEVER, e colocar seu meigo rostinho nele. Regulando cor, brilho e contraste dá pra ficar igualzinho! Muito divertido...

Quem fez minha primeira fotomontagem foi uma antiga conhecida do orkut, Carla Salgueiro. Quando a conheci, o avatar dela era a Jeanie é um Gênio. Ela fez um monte pra mim... Samanta (daquele antigo seriado A FEITICEIRA) fez da Liz Taylor no filme Cleopatra, e mais um outro q esqueci porque tava tudo no meu perfil abduzido do orkut. Fui eu tentar fazer e as primeiras sairam grotescas, hahaha, mas depois aprendi e fiz umas bacanas, com temas bellydance, tribal e umas beeeemmm engraçadas de festa junina, Natal, Reveillon, praia (pras férias), Pocahontas (pro dia de ação de graças) e bruxinha (pro halloween).



Aconteceu que uma das fotos que eu escolhi ALEATORIAMENTE, porque com a foto que eu tinha era a que se encaixava melhor, era justamente de uma dançarina (pra mim ilustre desconhecida) de DV brasileira que vem a ser uma das "seladas" KK... até aí morreram neves... o problema é que um certo ILUSTRE BABA-OVO da pessoa em questão começou uma verdadeira Caça às Bruxas com essa que vos escreve, como se eu fosse uma "plageadora de corpos"!

AAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
EU MEREÇOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!



Eu aqui, quietinha no meu cantinho, trabalhando honestamente, estudando pacas pra no futuro poder pesquisar e trazer informações relevantes a todo aquele que ainda pode dançar essa ARTE SAGRADA DAS DANÇAS DOS POVOS DO ORIENTE MÉDIO, e nego que num tem o que fazer, fica dando uma de "Protetor dos Fracos e Oprimidos da Moral e dos Bons Costumes de Corpos Virtuais"... pelamordideuso, meugzuzinhocristinho!!!

Resolvida a questão com a ajuda da minha irmã e fiel companheira de vida e de espírito, a minha amada Nanda Salíma, voltamos às nossas pacatas vidinhas, até o dia de hoje...

A foto da discórdia
Corpo by ANA CLAUDIA BORGES
(prazer em conhecer)
Rosto by HAIYAT RAZIYA
(Thanks Face in Hole)
Voltando do ponto em que parei, a Mariazinha me manda a seguinte mensagem na tal rede social: "Haiyat, olha esse link... a foto não é sua? Eu vi isso ontem (a mensagem dela era do dia 22) nas minhas atualizações da Fulana (a tal 2ª pessoa com identidade preservada). Estão te acusando de plágio! Não é fotomontagem do Face in Hole? Como pode isso?" Eu respondi: "Esse assunto de novo Mariazinha??? Pelamor... esse pessoal não tem o que fazer, tipo uma louça pra lavar, casa pra varrer ou namorar o  marido? Fala sério, como pode? Essa Fulana acho que tá apaixonada por mim, mas eu sou FACÃO!"

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Meu, só rindo... Mas na mais mórbida curiosidade (acho até que sou meio masoquista), lá fui eu ver o que dizia o tal post, do tal blog, da tal amiga da amiga da Mariazinha. E sabe o que eu vi lá? Vi uma pessoa que até vendo pelo lado dela, ela tem toda a razão! Afinal de contas ela não me conhece, aliado ao fato de que a vida da mesma é dedicada a DANÇAR, não estudar leis e demais coisas da vida, coitada... Como posso condenar tal pessoa e seu comportamento? A mim só resta esclarecer as mentes vazias de conhecimento! Afinal de contas, não é por causa disso que estou numa licenciatura? (se bem que meu objetivo é ESTUDO E PESQUISA... perdoem a sinceridade.)

So, here we go, AGAIN...
  1. Eu nunca disse q o corpo era meu;
  2. Nunca usei essa imagem pra fins comerciais;
  3. Peguei a imagem SEM ROSTO em um site de internet especialista em fotomontagens e apenas coloquei o meu;
  4. Não fui eu que usou o recurso do site pra retirar o rosto da moça;
  5. Não fui eu que publicou a foto da moça sem rosto; e por ultimo, mas não menos importante...
  6. NÃO FUI EU QUE USOU A REFERIDA FOTO ALTERADA MAIS DE 200 VEZES!
PARÁGRAFO ÚNICO: As mesmas pessoas tãããããoooo indignadas com o fato de euzinha aqui ter usado uma das muitas fotenhas disponíveis no site não tiveram CARA OU CORAGEM de botar o site Face in Hole na "Fogueira da Santa Inquisição da Fotomontagem" ou caçar a pessoa que fez a alteração na foto pra ser usada, NEAMMMMM????

Eu poderia aqui relatar leis, artigos, dispositivos e jurisprudências sobre o assunto, mas sabem porque não faço isso caros(as) leitores(as)? Sinceramente não tô aqui pra ficar mastigando informações, neste caso irrelevantes, pra ninguém! Quem quiser que corra atrás e pesquise, porque se eu tiver que mastigar alguma coisa pra alguém, vou mastigar ARTE E CULTURA DOS POVOS DO ORIENTE MÉDIO E NORTE DA ÁFRICA, não futriquinhas de rede social...

É mais fácil chutar boca de cachorro morto, o que no meu caso é "cadela morta". Mas pra que ninguém fique achando que fiquei aborrecida, magoada, ou que perderei meus sagrados "sonos de beleza", digo que meu sentimento é de satisfação... é bom quando as pessoas não te esquecem, é melhor ainda quando estas mesmas pessoas vivem te deixando em evidência, despertando a curiosidade de todos e é simplesmente IMPAGÁVEL ver outras pessoas tomando conhecimento de você, graças a essas pseudo-perseguições! 

"FALEM MAL, MAS FALEM DE MIM"

Se alguém pegasse meu "lindo" corpitcho pra simplesmente fazer um avatar, botando o seu rosto no lugar no meu por diversão, pra mim ia ser uma honra e uma homenagem. Não envolvendo fins lucrativos, que objetivo a pessoa teria colocando seu rosto num corpo que gostou? (nem estou colocando aqui o fato de a pessoa conhecer a outra ou não) Enfim, a celebridade que nunca teve uma perseguição e difamaçãozinha básica e não se aproveitou disso pra se promover, que atire a primeira pedra, ou melhor, neste caso, o primeiro mouse, hahahaha!!!!



Beijão pessoas!!!

À propósito: Tenho uma foto com minha irmã NANDA SALIMA sem rosto, disponível à fotomontagens pra quem quiser usar! Só não vale usar foto de cachorros, porcos e outros animais degradantes, hahahaha!!! Essa fotenha é pra todas as pessoas que um dia desejaram fazer parte de nossa comunidade MAFIA DA DANÇA DO VENTRE e nunca puderam ou foram expulsas da "Cosa Nostra da DV". Se não podem participar, pelo menos podem botar seus rostinhos nos nossos corpinhos e participar virtualmente de nossa amada e cobiçada comunidade e grupo, usando nossa camisetinha... mesmo que de mentirinha... como consolo... ficamos com peninha, hehehe... ENJOY IT!


OBSERVAÇÃO: Essa postagem, que eu JURAVA QUE TINHA FEITO, estava nos rascunhos. Esse fato aconteceu tem mais de um ano atrás. Como fui fazer aquela revisão ortográfica que citei no post anterior, vi que essa mega importante postagem ainda estava nos rascunhos...

SENTIMENTOS

Sei que às vezes fico um pouco sumida... coisas da vida. Mas como a sina de quem respira, come, dorme e VIVE CULTURA é se expressar, nunca deixo de retornar e dividir com vocês aquilo que me vai à mente e ao coração. Hoje acordei com sentimentos estranhos - não é preguiça, muito menos desânimo ou insatisfação... não sei explicar. É como se fosse tudo isso e não fosse nada disso ao mesmo tempo.

LOUCO ISSO NÃO? RSRSRS...

Pra me expressar com a maior clareza possível e que se aproxime ao máximo do que estou sentindo, eu diria que estou sentindo um vazio na alma, um sentimento de que falta alguma coisa para me completar, algo que eleve meu espírito, um desafio, algo novo, algo que fuja do "trivial banal". Há quem chame isso de "depressão", mas sinceramente... já me senti deprimida e foi muito diferente do que estou sentindo hoje. Talvez o fato de não estar produzindo financeiramente, ou o desafio da graduação se encaminhando para o 'sprint' final, querer e não saber por onde começar, ou tudo isso junto e mais alguma coisa que eu ainda não tenha identificado com clareza.

Sempre que eu tento encontrar explicações para esses meus sentimentos estranhos, fazer uma auto-análise de mim mesma me deparo com essas enormes incógnitas que, ao contrário do início da avaliação, acabam por me deixar mais em dúvida do que antes. Daí penso "então não seria melhor simplesmente não pensar, deixar pra lá?", mas a verdade é que EU NÃO CONSIGOOOOO!!!!

Agorinha a pouco, antes de começar a escrever aqui no blog-diário, estava me lembrando das minhas conversas com meu amigo Cristiano Medeiros, onde nós compartilhávamos nossas dores e dissabores do ambiente de trabalho. Do muito que confabulamos, chegamos a conclusão q deveríamos ligar o "DANE-SE" (não posso mais falar a palavrinha feia, estou me graduando como educadora e tenho que dar exemplo para meus futuros pupilos, rsrsrs), e ir levando da melhor maneira os nossos dias. A verdade é que definitivamente eu NÃO CONSIGO LIGAR ESSE MALDITO BOTÃOZINHO! Sério... eu me envolvo tão visceralmente com tudo que faço que fica impossível ver as coisas e se manter alheio a tudo, principalmente quando está errado, você sabe que está errado, sabe como fazer certo, sabe o que fazer e não pode fazer nada! Daí esperar que eu "deixe pra lá" coisas que não dá pra mudar ou que não se consegue explicar é bastante complicado.

Vocês podem até estar pensando "Nossa, que louca!" ou então "Tá triste, coitada..." mas juro pra vocês que não estou triste (louca talvez, hahaha). É que nem quando a gente tem uma baita vontade de comer alguma coisa que não sabe o que é. Será que isso tem fundo orgânico? TPM sei que não é... Menopausa talvez? provável... Só sei dizer que preciso de algo que desperte a serotonina nos meus neurônios (e de preferência sem 'choco', porque já estou gorda a beça). Acabei de remarcar minha viagem de 1 dia a Ubatuba, terra dos índios Tupinambás.


Eu realmente espero estar de melhor ânimo até lá (se bem que não é uma época muito boa pra viajar... é véspera de P1 na faculdade. É, DEFINITIVAMENTE ESTOU LOUCA! kkk).

Enfim pessoas lindas que me leem, é isso! O que farei agora antes de começar a me arrumar devagar, devagarinho é dar uma revisada nas minhas postagens anteriores e corrigir o "internetês", suprimir os palavrões (podia ter como colocar o 'piiiiiii', né? =P) e vasculhar algum possível erro de português que possa ter escapulido, pois não é bonito para uma futura professora e cientista usar vocabulário chulo não?

Até a próxima gente boa!


sexta-feira, 20 de abril de 2012

A QUEM INTERESSAR POSSA (de novo)!

Na boa, vivo minha vida sem me intrometer na vida alheia, não aponto meu dedo sujo na cara de ninguém, procuro resolver meus problemas da melhor forma (com ajuda ou não), não atiro pedra no telhado dos outros e não desejo o mal de ninguém. Nem por causa disso deixei de ter depressão, vontade de morrer, quase desistir de planos e projetos e de chorar muito... mas não fiz drama, não agredi ninguém (nem física nem verbalmente), não culpei ninguém dos meus problemas. Assim, vou saindo da minha "tsunami" pessoal com HONRA e RESPEITO.

Deixo a mensagem que, dados aos meus problemas nos últimos meses pra cá, até por recomendação médica, NÃO ENGULO MAIS DESAFORO DE NINGUÉM! Se eu tiver que mandar IR "PRA AQUELE LUGAR" e ANDAR QUE O MUNDO É GRANDE, vou mandar com o sorriso mais cínico do mundo! Isso pq eu cansei de ser "politicamente correta" e só tomar na cara! Minhas maiores alegrias nos últimos tempos veio de quem eu nunca esperaria, e de quem esperava apoio e força, me virou as costas, me humilharam e foram injustas, portanto peço que ninguém perca o seu tempo achando que vai me usar de bode expiatório porque não vou pensar 1/2 vez em mandar quem quer que seja IR CATAR COQUINHO, e com o sorriso mais lindo do mundo!

Ninguém é obrigado a gostar de mim, ninguém é obrigado a atender meus telefonemas, responder as minhas mensagens, me desejar "feliz aniversário" ou "feliz Natal", visitar minha casa ou seja lá o que for, pois nasci sozinha e vou morrer sozinha! Ninguém paga as minhas contas (e agradeço a todos que um dia me ajudaram a pagar), ninguém bota comida na minha mesa (e agradeço a todos que um dia colocaram), ninguém resolve meus problemas (e agradeço a todos que um dia ajudaram a resolver), portanto POUPEM-ME DE OPINIÕES PESSOAIS E CRÍTICAS! DISPENSO TODAS! Quando eu quiser, pode deixar que eu peço!


Não cultivo mais amizades! Não espero mais nada de ninguém! Não tenho mais expectativas de vida a não ser de projetos em andamento! Tudo isso já busquei, já procurei, já cultivei, reguei e adubei e agora eu espero apenas colher os frutos... Se eles nascem podres e bichados, azar o meu, PROBLEMA MEU! Vão cair do pé de podres e MORRAM! Não justifico mais minhas palavras, pensamentos, atos nem DROGA NENHUMA! E você que me lê, SEJA QUEM FOR (ninguém em especial, antes de começarem de mimimi), se não gostou DANE-SE!!! VAI CHORAR NA CAMA QUE É LUGAR QUENTE!!!

Enquanto uns usam problemas psicológicos e tarjas pretas, pseudo-personalidades fortes (ou não) como muletas pras suas covardias e incompetências morais, A MINHA TARJA PRETA é essa aqui: poder falar o que eu quiser no meu blog, porque ninguém paga a minha internet também!

Portanto amigos, após meu relato-desabafo, sintam-se a vontade para se retirarem das minhas listas de amigos nas redes sociais se quiserem... só me resta lamentar ter desperdiçado a minha amizade (virtual ou não), amizade esta que eu ME ORGULHO MUITO DE SEMPRE TER SIDO SINCERA, HONESTA E ÍNTEGRA, com o que você PRECISA OUVIR, não o que você QUER OUVIR.

Grata por me lerem.


sexta-feira, 30 de março de 2012

TÔ ME AFASTANDO...

To me afastando de tudo que me faz mal,
De tudo que me faz infeliz,
De tudo que me ofende ou faz eu me sentir ofendida,
De tudo que me aborrece.

Também estou me afastando de tudo aquilo que não me agrada,
Que me faz raiva,
Que não me evolui, nem me edifica,
Que me diminui ou menospreza,
Que não me acrescenta nada.

Tô igualmente me afastando de pessoas...
Pessoas falsas,
Pessoas hipócritas,
Pessoas loucas (já me basta a minha loucura),
Pessoas cretinas,
Pessoas idiotas,
Pessoas pobres de espírito,
Pessoas que tem a doce ilusão de achar que são as boas, as tais, as certas e virtuosas.

E PORQUE EU ESTOU ME AFASTANDO?

Porque eu tenho que gostar mais de mim,
Preciso me valorizar,
Preciso ser feliz,
Preciso estar bem pra mim mesma e pra todos que me amam,
Preciso progredir,
Preciso dar valor ao muito que Deus me oferece todo dia por acréscimo de misericórdia,

Mas também porque...

Não vou me envenenar com os comezinhos da vida,
Com o egoísmo das pessoas,
Com egocentrismo,
Com os problemas particulares que as pessoas insistem fervorosamente em te envolver,
Com a mentira,
Com a calúnia,
Com a inveja,
Com a soberba,
Com a falta de educação, gentileza e equilíbrio.

Busco assim, não notoriedade, ou a santificação de mim mesma, mas um pouco de PAZ. Essa paz tem que vir de uma forma tranquila, sem dissabores ou desgostos. Minha busca também se resume nas pessoas me conhecerem e me aceitarem como eu sou. Não que eu fosse alguém mascarado, mas você em certos momentos da vida deixa de ser você mesmo pra ser o "politica e socialmente correto" para o mundo, ou simplesmente para a comunidade que te cerca, sejam amigos, parentes, agregados, colegas de trabalho, escola, etc.

Faz mal você ser uma pessoa da sociedade e não de você mesmo! Muito mal... você acaba no final se AFASTANDO DE VOCÊ MESMO! Sério. A consequência disso são rugas, obesidade, celulites, pressão alta, transtornos psicológicos, stress, depressão e tantos outros males que acometem essa mesma sociedade moderna que você inevitavelmente se molda pra ser "o correto". No alto dos meus quase 44 anos optei por mim mesma em detrimento do social. Não quero mais as "tarjas pretas", não quero mais dar sorrisos quando meu psiquismo manda eu "rosnar", muito menos demonstrar uma pseudo-normalidade, participando de conversas animadas ou discussões acaloradas, se preciso de isolamento.


AGIR CONTRA OS SEUS PRINCÍPIOS NÃO ESTÁ CERTO!!!

É claro que todos nós devemos obedecer certos padrões e conceitos, mas temos o dever sagrado de acharmos o ponto de equilíbrio das nossas necessidades pessoais e as que a sociedade exigem. Isso é ponto pacífico. Você nunca será uma pessoa feliz se não puder ser autentico e essa sociedade te aceitar como você é, desde que, é claro, esse seu jeito de ser obedeça o sagrado conceito do "o seu direito começa onde o meu termina" e "não faça com os outros aquilo que você não gostaria de que fizessem com você". Isso denota evolução, civilidade, coisas tão raras nos dias atuais.

Sei muito bem que nem todos vão aceitar esse meu comportamento... WHATEVER!!! Por isso estou me afastando, até bem porque, nesse meu processo de (finalmente) valorização pessoal, quem ficar vai ser pra valer e pra sempre. Os que se forem serão aqueles que não aceitam o meu EU renovado, querem a ordem antiga, vão se revoltar, espernear e EXIGIR que você volte a ser a vaquinha de presépio, o cordeirinho, o miquinho de circo que traz prazer e diversão. TO FORAAAAAAA!!!!!

Portanto amigos, se antes eu era hipócrita como a sociedade moderna assim exige, se preparem pra uma pessoa renovada, que quando não concordar vai dizer NÃO, quando estiver triste não vai rir da piada, quando estiver zangada vai se isolar justamente pra não magoar e não ser injusta e quando não estiver afim de papo com ninguém VAI DIZER DIRETAMENTE, E NÃO MANDAR RECADO.

Aos que compreenderem, o meu MUITO OBRIGADA, e aos que não entenderem, SÓ LAMENTO e sintam-se a vontade pra não mais se dirigir a minha pessoa. Como diz o dito popular "a porta da rua é serventia da casa" e "o que não me mata, me fortalece". E olha que atualmente o que eu mais me sinto é fortalecida, por isso tanta firmeza e disposição pra dizer ESTOU ME AFASTANDO...



JÁ ME AFASTEI. FUI SER FELIZ, PRA NUNCA MAIS VOLTAR!!!!










Texto de autoria de MÔNICA SANTOS

sábado, 25 de fevereiro de 2012

domingo, 22 de janeiro de 2012

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Uma Mensagem Para Você

Eu NÃO SOU brasileira, nem latino-americana. Também NÃO SOU católica, nem evangélica, nem protestante. NÃO SOU de direita, nem esquerda, muito menos de centro política. NÃO SOU Vasco, Flamengo, Corinthians ou Grêmio.

Eu SOU somente UMA CIDADÃ DO MUNDO, QUE PREGA A RELIGIÃO DE DEUS COMO CRIADOR E O AMOR AO PRÓXIMO, MINHA PREFERÊNCIA POLÍTICA É DA JUSTICA SOCIAL E DA DEMOCRACIA ONDE QUER QUE ESTEJA e MEU TIME PREFERIDO É AQUELE QUE JOGA FUTEBOL ARTE, COM COMPETÊNCIA E RESPEITO AO ADVERSÁRIO.

Tenho minhas preferências pessoais, claro... mas o que EU SOU é simplesmente UMA DAS PESSOAS QUE TEM 7 BILHÕES DE IRMÃOS E QUE RESPEITA TODAS AS SUAS PREFERÊNCIAS, ORIGENS, CORES E FORMAS, desejando que todos eles possam um dia também se sentirem irmãos, respeitar o outro, aceitar o outro e principalmente AMAR O OUTRO...

FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO A TODOS OS MEUS IRMÃOS!

(Haiyat Raziya / Mônica Santos)